quarta-feira, 28 de março de 2012

Ontem à noite

Respirei fundo. Será que agora compreendem a razão pela qual não dou importância a tantas coisas que me rodeiam, a tantos pormenores que, para uns, são uma monstruosidade mas que para mim não passam de pormenores? Há situações e situações. E eu tenho uma vida, ao contrário de tanta gente. Eu tenho uma vida e dou valor por ela, mais do que  se possa imaginar. Não estou de todo a tentar esclarecer alguém. Estou apenas a agradecer a tudo o que tenho, uma vez mais. Enquanto há os invejosos, os mesquinhas, os que nos querem mal e que nunca chegam a lado nenhum, por outro lado há as (poucas) grandes amizades que se criam com confiança e que existem por alguma razão. Razão essa que ontem esteve presente e à qual eu dou graças. 


1 comentário:

Conta-me histórias ♛